Bom dia !     Utilizadores Online:       

DISTRITOS
Algarve
Aveiro
Beja
Bragança
Braga
Castelo Branco
Coimbra
Évora
Guarda
Leiria
Lisboa
Portalegre
Porto
Santarém
Setúbal
Viana do Castelo
Vila Real
Viseu
Açores
Madeira
main
main

O poder do pensamento

Data adicionada : February 24, 2016 06:00:04 PM
Autor: Cláudia Fonseca
Categoria:
 
Cláudia Fonseca
24 fevereiro 2016




Cuidado com o que pensas, pois pode acontecer-te… Aquilo que faço está de acordo com o que quero?

Quantos desencontros temos entre o que pensamos e fazemos? Há uma parte em nós que quer controlar a vida, que é exigente pela perfeição, a eterna insatisfeita.

E as vozes que não se calam cá dentro? Uma que diz, "faz és capaz, avança" e outra que diz "não consegues, dá trabalho, olha e se falhas e se erras…. É melhor ficar quieta".

Esta é a parte que conseguimos aceder com consciência de como os nossos pensamentos se revelam e como a transferimos através da linguagem expressada. Na verdade produzimos em média 50 000 pensamentos por dia, segundo dados extraídos da internet. Vamos recolhendo impressões, ideias a todo o segundo e o processamento é tão rápido que não conseguimos acompanhar e processar todos os pensamentos, mas quando é necessário acedemos a esses registos e usamo-lo através da linguagem e ou experiência.

E estando em piloto automático não temos a real perceção da qualidade do nosso pensamento, do que estamos a produzir na nossa mente que acaba por controlar a nossa ação.

Vamos registando as experiências, as impressões e memórias e elas ficam armazenadas no nosso disco rígido como alertas do que correu bem e menos bem criando-nos um "perímetro de segurança" na forma como agimos. A história de vida, os valores e crenças que nos foram incutidas consciente e inconsciente, verdades transferidas dos nossos pais, professores, país influenciam a mensagem que criamos.

E vivemos a vida de acordo com estes pensamentos que ora podem ser limitadores ou potenciadores. O importante é perceber e escutar o que pensamos e como esses pensamentos influenciam a nossa vida para que possamos transformá-los em nosso benefício. Quantas vezes ouço esta frase "É muito difícil mudar, toda a minha vida sempre agi assim, eu sou assim". Ou seja, o pensamento foi repetido tantas vezes que a pessoa se identificou com o seu próprio pensamento e acredita que é de determinada maneira e ainda que seja infeliz ser assim, tem de se resignar.

Temos várias vozes dentro da nossa mente e todas elas querem ganhar expressão e se afirmarem. É importante identificá-las, ouvi-las, perceber o que nos querem transmitir e estabelecer uma relação com elas, negociar com todas as partes, percebendo que sou o veículo por onde correm os pensamentos, e o condutor que estabelece a direção.

Fala-se muito da importância em definir objetivos, com o propósito de ativar o foco. Este permite-nos transformar o pensamento para algo que nos acrescente valor. Despertamos o nosso sistema de ativação reticular e começamos a prestar atenção a tudo o que esteja relacionado com o objetivo que queremos atingir. É um processo de educação do nosso pensamento para que ele seja mais saudável. E acrescenta-se a mudança de comportamento através de pequenas acções que incentivem e reforcem o novo pensamento/ objetivo para que a repetição de novas ações gerem a mudança de atitude e produzam uma nova crença possibilitadora.

Ao treinarmos a nossa mente de forma saudável, com pensamentos possibilitadores ganhamos qualidade de vida, apreciamo-la e desfrutamos. Prestar atenção à forma como comunicamos quer por palavras quer a fisiologia permite-nos, alterar por novas palavras e posturas que possibilitem a criação de um novo estado mais positivo.

Tudo começa por um simples passo. E construímos de acordo com o que acreditamos, as nossas verdades, pelo que estimula o cérebro com pensamentos possibilitadores para que possas construir a realidade que queres.

 
main
Avaliações
main
comentários
main